O mistério na vida... Circulando, fluindo... nos elementos, nas estações. Palavra que brota, agir que floresce... A luz pascal que incendeia a festa da existência. A soma dos "ires-e-vires", de homens e mulheres que celebram, se encantam, e se enredam, no cuidado com o mundo, na busca do Reino.

A PALAVRA DE DEUS NO DIA DO SENHOR

1 de março de 2017

Quarta-feira de Cinzas: O Grito da Quaresma!

Imprimir Voltar

1 -Aprofundando os textos bíblicos:     

Quarta-feira de Cinzas: O Grito da Quaresma!

Mt 6,1-6.16-18
Jejuar... Dar esmola... Orar... Essas palavras têm ainda hoje alguma atualidade e atrativo?... Poderão ainda motivar alguém, sobretudo a juventude, para alguma iniciativa a respeito da própria vida, da vida da humanidade, da vida espiritual?...
Talvez seja apenas questão de entender o espírito da coisa e encontrar os termos de hoje para dizer coisas que continuam sendo importantes, e o serão sempre:
• Disciplinar-se na satisfação dos próprios instintos, no contexto dos apelos consumistas cada vez mais invasivos e insistentes, terá alguma coisa a ver com a saúde física, mental e ambiental, das pessoas e do planeta?... É disso que se trata, quando os antigos falam “jejuar”... O que importa é cada um encontrar o seu “método” de vida...
• Ser solidário com as pessoas e com o planeta, abraçando as grandes causas da justiça e do meio ambiente, sem esquecer as oportunidades do cotidiano, quando te batem à porta... Faz algum sentido?... É disso que se trata, quando os antigos falam “dar esmola”... E há tanto o que cuidar!
• Abrir-se para o Mistério, permitir essa sintonia fina com o Grande Outro, com “fome e sede da Justiça”, acolhendo “os sinais dos tempos” como apelos de Deus...
É algo que tem a ver com você?...
É disso que se trata quando os antigos falam em “oração”... Perda de tempo ou urgência profunda?...

A celebração desta Quarta-Feira de Cinzas, passados os dias da brincadeira e da descontração, vale como um “Grito”, um alerta. É um convite de JESUS a assumir essas três práticas tradicionais, como jeito sério e eficaz de caminhar para a Páscoa, no seguimento d’Ele, em demanda da Vida Nova e da Terra Prometida! Vamos lá?...


 /:Serve a Deus, acolhe a graça,
    Já não sejas pecador!:/

    Neste tempo sacrossanto
    O pecado faz horror
    /:Contemplando a Cruz de Cristo
    Já não sejas pecador!:/

    Pecador arrependido
    Volta para teu Senhor
    /:Vem, abraça-te contrito
    Com teu Pai, teu Criador!:/

Compaixão, misericórdia
    Vos pedimos, Redentor,
    /:Rogue a Santa Mãe das Dores
    Perdoai-nos, Deus de Amor!:/

(4) Salmo de resposta:SALMO 51
(Hin II, p. 43)
SENHOR DEUS, MISERICÓRDIA!

1.Misericórdia de mim, Deus de bondade,
Misericórdia, por tua compaixão!
Vem me lavar das sujeiras do pecado,
Vem me livrar de tamanha perdição!

Reconheço toda a minha maldade,
Diante de mim a vastidão de minha ofensa,
Foi contra ti, meu Senhor, o meu pecado,
E pratiquei o que é mal, em tua presença.

2.Cria em mim um coração imaculado,
Não desprezes a poeira que criaste;
Não me ponhas para fora do teu lado
E teu Espírito não se afaste deste traste!

Que teu perdão me inunde de alegria
E um espírito generoso me sustente;
Abre meus lábios e esta boca bem atenta
O teu louvor irá cantando alegremente!

(5) Aclamação: HONRA E GLÓRIA
(Hin II p. 111)

HONRA, GLÓRIA, PODER E LOUVOR
A JESUS, NOSSO DEUS E SENHOR!
Ah, se hoje ouvissem vocês sua voz!
Oh, não fechem, não fechem os seus corações!

(6) Cinzas: PREGÃO QUARESMAL
(Hin II p. 284)

1.João Batista clamou no deserto:
   “Preparai ao Senhor uma estrada!
    Eis que o Reino de Deus está perto
    Escutai, geração transviada!

 MUDAI DE VIDA, MUDAI!
 CONVERTEI-VOS DE CORAÇÃO!
 FAZEI A VONTADE DO PAI
 AMAI, SERVI AOS IRMÃOS!
FAZEI A VONTA DE DO PAI
LUTAI POR UM MUNDO DE IRMÃOS!
 FAZEI A VONTADE DO PAI
 O CHÃO É DE TODOS E O PÃO! (1) Refrão de sintonia e recolhimento:
O grande convite “IRMÃOS, IRMÃS. VINDE!”
(Pe. Geraldo Leite Bastos – R. Veloso)
IRMÃOS, VINDE À ORAÇÃO! IRMÃS, VINDE À ORAÇÃO!
- /:Porque o Amor é bom, é Deus de libertação!:/
- /:É tempo de penitência, é hora de conversão!:/
- /:É tempo de olhar pro céu, é hora de dar as
mãos!:/

(2) Abertura: PORQUE TUDO PODES...
Sb 11,23-24.26+ Salmo 57(ODC Part.I p.69)

Antífona (para antes e depois do salmo):
PORQUE TUDO PODES, DE TODOS TENS COMPAIXÃO,
PARA QUE SE CONVERTAM, ENTÃO;
PORQUE TUDO AMAS, AQUILO QUE TU CRIASTE,
NADA DISSO, Ó AMOR, DESPREZASTE;
PORQUE TUDO É TEU, AMOR QUE AMAS A VIDA,
TODA GENTE POR TI É QUERIDA!

Refrão 1:
MISERICÓRDIA, MEU DEUS, MISERICÓRDIA!
MISERICÓRDIA DE MIM, MISERICÓRDIA!

1.Pois o meu ser um refúgio em ti procura,
   E proteção, bem debaixo de tuas asas...
   Até que passe o perigo, eu clamo a Deus
   E o Altíssimo Amor é que me ampara!

2.Que lá do céu, Deus me mande a salvação,
   Que lá do céu venha a minha liberdade!
   Quem me persegue por ele seja pego,
   Mande Deus seu amor, fidelidade!

3.Estou deitado no meio de leões,
   Seu ódio contra as pessoas a inflamar
   Seus dentes são feito lanças, feito flechas,
   Sua língua, espada a cortar.

Refrão 2:
TUA GRANDEZA, Ó DEUS, OS CÉUS SUPERA,
E TUA GLÓRIA POR SOBRE TODA A TERRA!

4.Meu coração está firme, ó meu Deus,
   Meu coração está firme, eu vou cantar!
   Despertai, todos, minh’alma, meu violão,
   Meu cavaquinho, a manhã vou despertar!

5.Eu vou louvar-te entre os povos, ó Amor,
   Entre as nações, os meus hinos vou cantar,
   Pois teu amor é imenso e chega aos céus,
   Fidelidade nas nuvens a chegar!

6.Ao Pai-e-Mãe demos glória, todo dia,
   E a seu Filho, Jesus, vamos louvar,
   E ao Espírito, suave ventania,
   Meus irmãos, vamos todos festejar!

(3) Hino Quaresmal:PECADOR, AGORA É
TEMPO!    (No lugar do “Glória” - Hin II, p. 277)

    Pecador, agora é tempo
    De pesar e de temor
2. Jesus Cristo, o Filho de Deus,
    Batizado por João no Jordão
    Inaugura o Reino do Pai
    Com este santo e solene pregão:

3. Escutai, ó Igreja de Deus:
    Eis o Tempo da Graça chegou!
    É o Senhor da Justiça que passa,
    Sua Páscoa, entre nós, começou!

(7) Ofertório: Noss’alma quebrada
Dn 3,37-42 (R. Veloso)
1.Amor Eterno,
   já somos tão poucos, em meio às nações
   e humilhados,
   no mundo inteiro, por tais transgressões,
   na terra inteira, por nossos pecados!

   Nem, neste tempo,
   Há chefe ou profeta, alguém que governe,
   Nem há oferta,
   Nem mesmo local onde a gente oferte
   E misericórdia se alcance, na certa...

NOSS’ ALMA QUEBRADA,  O PEITO HUMILHADO
   TE SEJAM ACEITOS!
   OFERTA SINCERA, QUAL MIL SACRIFÍCIOS
   QUE POSSAM SER FEITOS!

2.Essa, a oferta
   Que agora, confiante, a gente apresenta,
   Diante de ti.
   Que seja sem falta, que seja completa,
   Pois não se engana quem confia em ti!

   Vamos pra sempre,
   Nós vamos seguir-te bem de coração,
   No teu temor,
   Nós vamos buscando tua Face e perdão,
   E não nos confundas, nos trata com amor!

(8) Comunhão: FELIZ QUEM MEDITASl 1
(Refr. mel. “Ó Anjos celestes”/ Salmo ODC part I, p.15)

FELIZ QUEM MEDITA
      DE NOITE E DE DIA,
      /:NO TEMPO OPORTUNO,
      DARÁ O SEU FRUTO!:/

1.Feliz quem não vai ao encontro dos ímpios,
   Feliz quem não pára dos maus no caminho,
   Nem senta na roda onde há zombador,
   Mas busca a alegria, de noite e de dia,
   Enquanto medita a Lei do Amor.

2.Qual árvore firme à beira do rio,
   Que mesmo em estio, não há de secar,
   No tempo devido, seu fruto é colhido,
   É bem sucedido em tudo o que faz,
   O ímpio não chega a feitos iguais.

3.Os ímpios são palha que o vento espalha,
   Sua causa é falha perante o juízo,
   Do meio dos justos acabam expulsos,
   Pois Deus, o caminho dos justos conhece,
   Enquanto o caminho dos ímpios se perde.

4.Cantemos louvores a Deus nosso Guia,
   A sua Palavra é nossa alegria,
   A todos ensina o justo caminho,
   De modos diversos seu nome revela,
   Seu nome louvamos cantando este hino.

 

 

> 2 - Atualizando:     Mt 6,1-6.16-18 Jejuar... Dar esmola... Orar... Essas palavras têm ainda hoje alguma atualidade e atrativo?... Poderão ainda motivar alguém, sobretudo a juventude, para alguma iniciativa a respeito da própria vida, da vida da humanidade, da vida espiritual?... Talvez seja apenas questão de entender o espírito da coisa e encontrar os termos de hoje para dizer coisas que continuam sendo importantes, e o serão sempre: • Disciplinar-se na satisfação dos próprios instintos, no contexto dos apelos consumistas cada vez mais invasivos e insistentes, terá alguma coisa a ver com a saúde física, mental e ambiental, das pessoas e do planeta?... É disso que se trata, quando os antigos falam “jejuar”... O que importa é cada um encontrar o seu “método” de vida... • Ser solidário com as pessoas e com o planeta, abraçando as grandes causas da justiça e do meio ambiente, sem esquecer as oportunidades do cotidiano, quando te batem à porta... Faz algum sentido?... É disso que se trata, quando os antigos falam “dar esmola”... E há tanto o que cuidar! • Abrir-se para o Mistério, permitir essa sintonia fina com o Grande Outro, com “fome e sede da Justiça”, acolhendo “os sinais dos tempos” como apelos de Deus... É algo que tem a ver com você?... É disso que se trata quando os antigos falam em “oração”... Perda de tempo ou urgência profunda?... A celebração desta Quarta-Feira de Cinzas, passados os dias da brincadeira e da descontração, vale como um “Grito”, um alerta. É um convite de JESUS a assumir essas três práticas tradicionais, como jeito sério e eficaz de caminhar para a Páscoa, no seguimento d’Ele, em demanda da Vida Nova e da Terra Prometida! Vamos lá?...

> 3 - A palavra de Deus na celebração:     Mateus 6,1-6.16-18; Jol 2, 12-18; Salmo 51(50); 2 cor 5,20-6,2

> 4 - Dicas e Sugestões:    A celebração desta Quarta-Feira de Cinzas, passados os dias da brincadeira e da descontração, vale como um “Grito”, um alerta. É um convite de JESUS a assumir essas três práticas tradicionais, como jeito sério e eficaz de caminhar para a Páscoa, no seguimento d’Ele, em demanda da Vida Nova e da Terra Prometida! Vamos lá?...

 

Reginaldo Veloso