O mistério na vida... Circulando, fluindo... nos elementos, nas estações. Palavra que brota, agir que floresce... A luz pascal que incendeia a festa da existência. A soma dos "ires-e-vires", de homens e mulheres que celebram, se encantam, e se enredam, no cuidado com o mundo, na busca do Reino.

DESTAQUES SEMANAIS

Festa da Apresentação do Senhor – 2 de fevereiro ou 1º Dom. de fevereiro

02/02/2019

Festa da Apresentação do Senhor – 2 de fevereiro ou 1º Dom. de fevereiro

 

Lucas 2,22-40

40 dias após do Natal: no Oriente, Festa do ENCONTRO! No Ocidente, Festa da Apresentação! No meio popular, Festa de N. S. da Luz... Festa da Mãe de Deus das Candeias... “Naquele tempo”, um pai e uma mãe vão ao Templo de Jerusalém, fazer a oferta de seu primogênito... E se surpre-endem com a festa que lhe fazem duas pessoas idosas, sedentas de Deus e do seu Reino. Ambas identificam exatamente na-quela criança Aquele que vem como LUZ das nações! Embora já se preveja que será “sinal de contradição”, e se prenuncie a “passagem” da Cruz...

Nós hoje, aqui e agora, com corações agradecidos pela graça de crer em Jesus, idosos e jovens, saudemos a Eterna Juven-tude de Deus, na pessoa do filho de José e Maria, o Filho de Deus, Luz do Mundo!... E procuremos segui-lo, de tal maneira, no cotidiano de nossas vidas, que nos tornemos reflexo dessa luz, nos ambientes em que vivemos, onde, muitas vezes, as trevas ameaçam... Tenhamos presente a conjuntura que vive este país e, muito especialmente, as vítimas do genocídio cometido pela Vale, em Brumadinho, MG. E assim, em meio a todas as contradições, encarando e enfrentando os desafios, caminhemos, indignados, porém confiantes, na esperança de um mundo novo, iluminado pela Verdade, pela Justiça e pelo Amor. Até nosso encon- tro com Ele no Reino definitivo e eterno.

 

I - PROCISSÃO DA LUZ

Em lugar adequado, a certa distância do local da Celebração da Ceia do Senhor, na hora programada, acende-se o Círio Pascal e cada participante vai acender sua vela na chama do Círio, enquanto se canta:

(1) Lucernário: LUZ RADIANTE 

                   (ODC part. II, p. 27)

 

luz radiante, luz de alegria,

luz da glória, cristo jesus!

 

1.És do Pai imortal e feliz

   O clarão que em tudo reluz!

 

2.Tu mereces o canto mais puro,

    Ó Senhor, da vida és a luz!

 

3.Tua glória, ó Filho de Deus,

   O universo todo seduz!

 

4.Cante o céu, cante a terra e os mares

    A vitória, a glória da Cruz!

II - LITURGIA DA CEIA DO SENHOR

 

 

(3) Abertura: NO MEIO Da TUA CASA      

              Sl 48+Sl 33               (Hin III, p. 123)

no meio da tua casa,

recebenos, ó deus a tua graça!

sem fim, nossa louvação,

pois a justiça está tod em tuas mãos!

 

1.Alegrai-vos no Senhor!

   Quem é bom venha louvar,

   Peguem logo o violão

   E o pandeiro pra tocar;

   Para ele um canto novo

   Vamos, gente, improvisar!

 

2.Ele cumpre o que promete,

   Podem nele confiar!

   Ele ama o que é direito

   E ele sabe bem julgar;

   Sua Palavra fez o céu,

   Fez a terra e fez o mar!

 

3.Ele faz do mar um açude

   E governa os oceanos;

   Toda a terra a ele teme,

   Mesmo os corações humanos.

   Tudo aquilo que ele diz

   Não nos causa desenganos.

 

4.Põe abaixo os planos todos

   Desses povos poderosos;

   E derruba os pensamentos

   Dos malvados orgulhosos,

   Mas os planos que ele faz

   Vão sair vitoriosos!

 

(4) Recordação da Vida - A Assembléia é convidada a sentar e compartilhar os sinais de LUZ na vida da Comunidade, das pessoas e do povo... No final da “recordação”, canta-se o GLÓRIA, e diz-se a oração “coleta” da festa.

_______________________________________________________________________________________

1ª Leitura: Ml 3,1-4

_______________________________________________________________________________________

 

(5) Salmo de resposta: SL 24

(ODC Part., p. 37 + refrão 6, p. 38)

 

Ó povos venham todos, louvemos ao Amor

Ele entra em seu templo, o Deus libertador

/:Ao seu encontro venham com cantos de louvor!:/

 

1.Do Amor

Eterno é a terra e o que contém,

E todo o universo é seu também!

Pois Ele

a terra construiu por sobre os mares,

e sobre os rios pôs os seus pilares!

 

2. Portões,

antigos se escancarem, vai chegar,

alerta, o Rei da glória vai entrar!

Quem é,

quem é, então, quem é o Rei da glória?...

O Amor que tudo pode é o Rei da glória!

 

(2) Bênção das velas

 

C.: Jesus Cristo, Luz do mundo está entre nós, que aqui estamos reunidos em seu nome!

 – bendito seja deus que nos reuniu no amor de cristo!

C.: Irmãs e Irmãos, quarenta dias atrás, nós celebrávamos o Natal.  Quarenta dias depois, a Igreja está em festa, junto com Maria e José, que foram ao Templo de Jerusalém oferecer seu primogênito a Deus. Estamos alegres com os anciãos Simeão e Ana, que reconheceram em Jesus, Aquele que é a LUZ DAS NAÇÕES! Muito embora sejamos avisados sobre aquele Menino, cujo destino é a cruz! Vamos a seu encontro, com lâmpadas acesas nas mãos. Vamos escutar sua Palavra, que é luz para os nossos passos. Vamos participar da sua Ceia, reconhecê-lo presente na partilha do pão e do vinho. Vamos comungar com ele por uma fé sincera e transformadora, que nos torne, junto com ele, luz do mundo.

 

Oremos.

Ó Deus, tu és a fonte e princípio de toda luz! Num dia como hoje, revelaste aos anciãos Simeão e Ana Aquele que é a verdadeira luz de todas as nações. Nós te bendizemos pela luz destas velas. Nós te pedimos que abençoes  + o teu povo que hoje vem ao encontro do teu Filho, com lâmpadas acesas nas mãos e com cantos de louvor. Conduze-nos, Pai, por Aquele que nos enviaste como Caminho, Verdade e Vida, até que cheguemos ao Reino da Eterna Claridade. Por Cristo, nosso Senhor.  – AMÉM!

 

Em procissão, todos e todas se dirigem ao local da celebração da Ceia do Senhor, cantando:

 

(3) Cântico de Simeão    (ODC part. I, p. 250)

 

agora, senhor, podes deixar

partir em paz treu servidor

porque os meus olhos já contemplam

da salvação o resplendor!

 

segundo a tua palavra

vi a tua salvação,

manda em paz teu servidor

no fulgor do teu clarão!

 

pra todos os povos preparaste

a salvação que resplendeu

a luz que ilumina as nações todas

a glória deste povo teu!

 

glória ao pai, glória ao menino,

deus que veio e deus que vem,

glória seja ao divino,

que nos guarde sempre. amém!

*

*

2ª Leitura: Hb 2,14-18 / Evangelho: Lc 2,22-40

_____________________________________________________________________________________________

___________________________________

______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

(6) Acl. ao Evangelho: ALELUIA + L 2,30.

 

aleluia! aleluia! aleluia! aleluia!  (H.III, p.212)

Meus olhos viram tua Salvação,

Luz das nações, glória do teu Povo!

 

(7) Ofertório: SOBE A JERUSALÉM  (H. IV, .182)

 

sobe a jerusalém, virgem oferente, sem igual,

vai, apresenta ao pai teu menino, luz que chegou no natal

e, junto a sua cruz, quando deus morrer, fica de pé!

sim, ele te salvou, mas o ofereceste por nós com toda a fé!

 

nós vamos renovar este sacrifício de jesus:

morte e resurreição, vida que brotou de sua oferta na cruz

mãe, vem nos ensinar a fazer da vida uma oblação:

culto agradável a deus é fazer a oferta do próprio coração

_________________________________________

Ao prefácio: LOUVAÇÃO DAS CANDEIAS, em folha à parte...

__________________________________________________________________________________

(8) Comunhão: Lc 2,30-31 + Sl 27

                      (ODC Part. I, p.41)

os meus olhos contemplaram

tua grande salvação

que preparaste, ó pai,

perante as nações!

 

1.O Senhor é minha luz,

   Ele é minha salvação!

   O que é que eu vou temer?

   Deus é minha proteção!

   /:Ele guarda minha vida,

   Eu não vou ter medo não!:/

 

2.A Deus peço uma só coisa,

   Sei que ele vai me dar:

   Habitar em sua casa

   /:Todo o tempo que eu durar,

   Pra provar sua doçura

   E no Templo contemplar!:/

 

3.Ele vai me dar abrigo,

   Em sua casa vou morar...

   Nestes tempos de aflição,

   Sei que vai me agasalhar,

   /:Me escondendo em sua tenda,

   Pra na rocha eu me firmar!:/

 

4.A cabeça eu tenho erguida,

   Mesmo em meio de inimigos...

   Ofereço um sacrifício,

   Pois livrou-me dos perigos;

   /:Canto hinos com a viola,

   O meu salmo a Deus eu digo!:/

 

5.Sei que hei de ver, um dia,

   A bondade do Senhor:

   Lá na terra dos viventes,

   Viverei no seu amor.

   /:‘Spera em Deus, cria coragem!

   ‘Spera em Deus que é teu Senhor!:/

Louvação das Candeias          

Louvação popular para a Celebração da Festa da Apresentação do Senhor – dia 2 de fevereiro – popularmente, Festa da Mãe de Deus das Candeias - R. Veloso – M.: “Louvação de Maria” – CD “A. de G. no Dia do Senhor” – COMEP - faixa 26

 

/:eu vou cantar um bendito, um canto novo, um louvor:/

 

1.Pai-Mãe de todas as luzes, ó Deus de eterno esplendor! (bis)

 

2.Por Cristo Sol da Justiça que, por Maria, raiou! (bis)

 

3.Maria, Mãe das Candeias, do Filho a luz espalhou! (bis)

 

4.Com a Mãe de Deus das Candeias, a Igreja se iluminou! (bis)

 

5.Com Simeão celebremos a Luz que aos povos brilhou! (bis)

­­­­­­­­­­­­­­­­­­

6.Nós somos filhos da luz, que ao mundo Cristo enviou! (bis)

 

7.Com os Anjos, iluminados, a Deus cantemos louvor! (bis)

                                                                                             

- Santo, santo, santo é o Senhor,

  Ó Deus do universo, Deus nosso Criador!

 

- No céu, na terra brilha o esplendor

  Da tua imensa glória, ó Deus, nosso Senhor!

 

- Bendito seja Aquele que vem,

  Aquele que vem vindo em nome do Senhor!

 

- Hosana, hosana, hosana, ó Salvador!

  Oh! vem nos socorrer, no teu imenso amor!

  Oh! vem nos consolar, no teu imenso amor!

  Oh! vem nos libertar, no teu imenso amor!

  Vem nos iluminar, no teu imenso amor!

 

 

 

DOWNLOAD DO ARQUIVO →