O mistério na vida... Circulando, fluindo... nos elementos, nas estações. Palavra que brota, agir que floresce... A luz pascal que incendeia a festa da existência. A soma dos "ires-e-vires", de homens e mulheres que celebram, se encantam, e se enredam, no cuidado com o mundo, na busca do Reino.

DESTAQUES SEMANAIS

FESTA DA SAGRADA FAMÍLIA – ANO C

30/12/2018

FESTA DA SAGRADA FAMÍLIA – C

 

Lc 2,41-52

Aos doze anos...

já era tempo de saber o que se queria... já era tempo de saber o que Deus, o Pai, queria da gente... já era tempo de assumir a vida com autonomia... já era tempo de ensaiar os primeiros passos da missão... Pelo menos assim foi, no tempo e na terra de Jesus.

Quanto seria desejável que nossos adolescentes, desde crianças, fossem educados num ambiente onde todo mundo se escuta e pode expressar-se com liberdade e respeito, aprendendo a responder com autonomia aos apelos da vida... aos apelos de Deus!

Quanto seria desejável que nossas famílias, por uma saudável conspiração entre pais e mães, filhas e filhos, irmãs e irmãos, fossem, como a Família de Nazaré, incubadoras de cidadania e de militância, a serviço de um mundo diferente... a serviço do Reino de Deus!

Filhos, filhas, mães, pais, cresceriam juntos, num aprendizado permanente de valores e atitudes que dignificam, enriquecem e embelezam a vida...  E se estaria garantido às novas gerações um futuro semelhante ao daquele Menino que ia crescendo em sabedoria, tamanho e graça diante de Deus e das pessoas.

 

Mais que nunca, nosso país precisa de famílias assim: onde as pessoas, motiva-das pela Fé, crescem em dignidade, em solidariedade e em cidadania.

 

 

(3) Aclamação: ALELUIA! + Sl 33,1

           (Mel.: “Eis que um santo dia resplende”)

 

aleluia! aleluiá! aleluia! aleluiá!

 

No Senhor, povo justo, alegrai-vos,

Ao Senhor convém louvar!

 

aleluia! aleluiá! aleluia! aleluiá!

 

(4) Ofertório: OH! VINDE ADOREMOS

      (mel.: “Cristãos, vide todos” Hin I p. 65)

 

1.Oh! Vinde, andemos,

vamos a Belém,

Nasceu um Menino

para o nosso bem!

Tocam os sinos,

Anjos a cantar também:

oh! vinde, adoremos!

oh! vinde, adoremos!

oh! vinde, adoremos

o salvador!

 

2.Oh! Vinde, saudemos

Cristo nosso irmão!

Nasceu pequenino,

deu-nos a lição:

Vinde aprendamos

a compartilhar o pão!

 

3.Oh! Vinde, cantemos,

Anjos e Pastores,

Humildes e sábios,

bons e pecadores,

Todos iguais,

encontramos nele a Paz!

 

4.Oh! Vinde, lutemos,

finde a exclusão,

Salvemos com Cristo

pela união!

Cresça o amor,

cesse o sofrimento, a dor!

­­­­­­­­­­­­­­­­­_______________________________________

<<Vamos pensar em Maria, ela não podia acreditar: ‘Como pode isso acontecer?’ E quando explicaram, ela aceitou. Pensem em José, ele também não entende, mas aceita, obedece. E na obediência dessa mulher e desse homem há uma família através da qual Deus sempre bate às portas do coração. Ele gosta de fazer isso, sair de dentro. Mas, aquilo de que Deus mais gosta é de bater às portas da família e encontrá-la unida, da família que faz seus filhos crescerem, e que criam uma sociedade cheia de bondade, verdade e beleza>> (Papa Francisco, Discurso na  Festa das Famílias, Filadélfia, 27 de setembro de 2015).

(1) Abertura: OS PASTORES CORRERAM

                  Lc 2,16 + Sl 128

 

Antífona para o início e final:

os pastores correram depressa

e encontraram maria e josé

e o menino que repousava

numa manjedoura singela

 

refrão:   (ODC partituras I, p.166)

feliz quem preza o Amor,

o seu caminho a trilhar!

 

1. Das tuas mãos fatigadas,

    Certeza: tu comerás!

        -- De nada vais sentir falta,,

           Feliz tu sempre serás!

 

2. Tua esposa, vinha fecunda,

    Na intimidade do lar!

        -- Teus filhos, como rebentos,

            Em volta à mesa a sentar!

 

3. Assim é abençoado

   Quem teme a Deus em seu lar!

        -- O Eterno Amor te abençoe

   De lá do céu a te olhar!

 

4. O bem da Santa Cidade

    por toda a vida verás!

        -- Verás teus filhos e netos

            E pra teu povo haja paz!

 

(2) Salmo de resposta: SALMO 84

      (ODC partitura I, p. 89 “O passarinho”)

 

feliz quem mora em tua casa,

ó Amor, teu louvor a cantar!

feliz quem mora em tua casa,

para sempre, ó Amor, a louvar!

 

1.Quão amáveis tuas moradas,

   Ó Amor onipotente,

   Por elas geme minh’alma,

   E exulta no Deus vivente!

      - Bem feliz é quem habita

      No recinto de tua casa:

      Cantando a ti seus louvores

      Pra sempre, em tua morada!

 

2.Bem feliz quem acha em ti

   Força para caminhar:

   Passando por terra seca

   Em fonte vai transformar!

   - Ó Amor onipotente,

     Ouve agora o meu pedido,

     Repara, ó Deus, nosso escudo,

     Pra face do teu Ungido!

_______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

 

O Ano Novo está chegando. E será realmente “novo”?... Vai depender da gente: se nos renovamos como pessoas, cidadãos e cidadãs, a começar de casa.

 

(5) Comunhão: Ó MEU FILHO    

        Lc 2,48-49 + Sl 27     (ODC Part. I, p. 41)

 

 

Diálogo pra ser cantado no início e no final:

 

Mulheres:

Ó meu filho, o que fizeste?

ansiosos a buscar-te

teu pai e eu deixaste,

teu pai e eu deixaste!

 

Homens:

como assim vocês buscavam?

não sabiam que das coisas

do pai devo ocupar-me,

do pai devo ocupar-me?

 

1.O Senhor é minha luz

Ele é minha salvação!

O que é que eu vou temer?

Deus é minha proteção!

/:Ele guarda a minha vida,

Eu não vou ter medo não:/

 

2.A Deus peço uma só coisa,

Sei que ele vai me dar:

Habitar em sua casa,

Todo tempo que eu durar,

/:Pra provar sua doçura

E no templo contemplar:/

 

3.Ele vai me dar abrigo.

Em sua casa vou morar.

Nestes dias de aflição,

Sei que vai me agasalhar,

/:Me escondendo em sua tenda,

Pra na rocha eu me firmar:/

 

4.A cabeça tenho erguida,

Mesmo em meio de inimigos.

Ofereço um sacrifício,

Pois livrou-me dos perigos.

/:Canto hinos com a vila,

O meu salmo a Deus eu digo:/

 

5.Sei que hei de ver, um dia,

A bondade do Senhor.

Lá na terra dos viventes,

Viverei no seu amor.

/:‘Spera em Deus, cria coragem!

‘Spera em Deus que é teu Senhor!:/

________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________ 

 

 

Para nossas famílias, um Ano Novo repleto da harmonia e da paz do Natal... Paz e harmonia que nascem, antes de tudo, da escuta atenta e acolhedora do que dizem nossas crianças e adolescentes... Não serão elas e eles nossos primeiros profetas?...

 

 

DOWNLOAD DO ARQUIVO →