O mistério na vida... Circulando, fluindo... nos elementos, nas estações. Palavra que brota, agir que floresce... A luz pascal que incendeia a festa da existência. A soma dos "ires-e-vires", de homens e mulheres que celebram, se encantam, e se enredam, no cuidado com o mundo, na busca do Reino.

DESTAQUES SEMANAIS

SOLENIDADE DO NATAL DO SENHOR – Celebração da Noite de Natal

25/12/2017

~~SOLENIDADE DO NATAL DO SENHOR – Celebração da Noite de Natal

Lucas 2,1-14
O Natal acontece no coração das pessoas e na vida da sociedade:
- onde finda o preconceito e nasce o respeito pelos diferentes...
- onde finda a indiferença e nasce a solidariedade com quem mais precisa...
- onde finda a exclusão e se vive em comunhão entre todos e todas...
- onde finda a acomodação e começa a participação cidadã...
- quando a gente descobre que “há mais alegria em dar que em receber”...
- quando a lei da vantagem é superada pelo prazer de servir...
- quando o desperdício se transforma em cuidado com os outros e com o Planeta...
- quando o consumismo do Papai Noel dá lugar ao “comunismo” de JESUS...
Aí os Anjos cantam GLÓRIA a Deus nas alturas dos céus,porque há PAZ na terra, pois Deus quer bem à Humanidade, sobretudo quando a gente se quer bem e vive a solidariedade!

Como disse, um dia, o Pastor Fred Morris:

<< SOLIDARIEDADE É O NOVO NOME DA FÉ!
CRER É SER SOLIDÁRIO COM A CRIAÇÃO E COM A HUMANIDADE.
MENOS DO QUE ISSO, NÃO É FÉ, É SUPERSTIÇÃO!>>

Gente, vou finalizar repetindoe atua-lizando, para 2018, o mesmo que es-crevi,dois anos atrás: “Para todos e todas nós, um NATAL de muita luz e inspiração para o ANO NOVO 2018: vamos precisar de muita atenção ao que vai se passando no país...Vamos precisar de muita união e mobilização: o grito das ruas é que dará força ao Projeto da Classe Trabalhadora e dos Empobrecidos, por um país justo, igual e feliz, para todos e todas. Quem governa o país, ou obedecerá à Mão libertadora de Deus e do Povo, ou, en-tão, à mão cruel do Mercado! A escolha é de cada um de nós!” Teria coisa mais atual para dizer-lhes?...

(3) Aclamação: ALELUIA! + Lc 2,10-11
(R. Veloso - mel.: “Eis que um santo Dia resplende”)

/:ALELUIA! ALELUIÁ! ALELUIA!  ALELUIÁ!:/

Anuncio uma grande alegria
Nasceu hoje o Salvador!

/:ALELUIA! ALELUIÁ! ALELUIA!  ALELUIÁ!:/

Pra vocês, uma grande alegria:
Nasce o Cristo, o seu Senhor!

/:ALELUIA! ALELUIÁ! ALELUIA!  ALELUIÁ!:/

(4) Ofertório:  OH! VINDE ADOREMOS
(Vers. R. Veloso (mel.: “Cristãos, vinde” Hin I p.65)

1.Oh! Vinde, andemos,
vamos a Belém,
Nasceu um Menino
para o nosso bem!
Tocam os sinos,
Anjos a cantar também:

OH! VINDE, ADOREMOS!
OH! VINDE, ADOREMOS!
OH! VINDE, ADOREMOS
O SALVADOR!

2.Oh! Vinde, saudemos
Cristo nosso irmão!
Nasceu pequenino,
deu-nos a lição:
Vinde aprendamos
a compartilhar o pão!

3.Oh! Vinde, cantemos,
Anjos e Pastores,
Humildes e sábios,
bons e pecadores,
Todos iguais,
encontramos nele a Paz!

4.Oh! Vinde, lutemos,
finde a exclusão,
Salvemos com Cristo
pela união!
Cresça o amor,
cesse o sofrimento, a dor!
_________________________________________

E o que o NATAL tem a ver mesmo com o “Ano Novo”,
para ele ser verdadeiramente “novo” e “feliz”?... (1) Abertura: DISSE-ME O SENHOR -Sl 2
(R. Veloso – L. Pires (Hin I p. 5)

DISSE-ME O SENHOR:
ÉS MEU FILHO, EU TE GEREI!
TU ÉS MEU FILHO, HOJE EU TE GEREI!

1.Reis e nações se amotinam e tramam, por quê /Contra o Eterno Amor e o Messias, por quê?
- ”Vamos livrar-nos do jugo e de tal sujeição” Mas o Eterno Amor deles faz gozação!
- Cheio de ira, apavora esta gente e ouvirão:“Fui eu quem consagrei o meu Rei em Sião!”

2. Vou proclamar o decreto do Eterno Amor,
O que disse o Amor e dizer me mandou:
- ”Tu és meu Filho, meu Filho, a ti hoje eu gerei / Tu me pedes e eu as nações te darei!
- Cetro de ferro nas mãos, as nações regerás,
 Como um pote de barro, as despedaçarás!”

3.Reis, governantes, cuidado, atenção, e ouvi:  / Ao Eterno Amor com respeito servi”!
- Não o irriteis, sua raiva será perdição!
   Mas felizes os que nele se abrigarão!
- Glória ao Pai pelo Filho no Espírito-Amor, / Ao que vem, nesta noite, da Igreja o louvor!

(2) Salmo de resposta: Sl 96,1-3.11-13
(R. Veloso-mel.: “Terra toda, aclamai” Hin I p. 28)

/:HOJE VEM PARA NÓS O SENHOR,
JÁ NASCEU NOSSO LIBERTADOR!:/

1.Canto novo ao Eterno Amor,
   Terra toda,a seu nome louvor!
   Anunciai todo dia às nações
   Que nos salva por grandes ações!

2.Que os céus e a terra se alegrem,
Grite o mar e os peixes celebrem,
Que os roçados no campo assim vibrem
E as árvores se rejubilem...

3.Ante o Eterno Amor a chegar,
Que vem vindo a terra julgar...
   Com justiça as nações, em verdade,
   Julgará com sua fidelidade!
____________________________________
Ao desejarmos “Feliz Natal!”, olhemos bem em volta de nós, se não tem alguém precisando mais que os outros... E o Senhor nascerá para ele ou ela através da nossa aproximação, do nosso cuidado e solidariedade.

*
(5) COMUNHÃO: DE DEUS O VERBO
JO 1,14 + Sl 98
(R. Veloso - mel.: “Nasceu-nos hoje” - Hin I p. 27)

DO AMOR O VERBO SE FEZ CARNE,
ENTRE NÓS ELE ACAMPOU,
E NÓS VIMOS SUA GLÓRIA,
TODO O POVO A CONTEMPLOU!
ALELUIA! ALELUAI! ALELUIA! ALELUIA!

1.Cantai, ao Amor Eterno
   UM CANTO NOVO, UM LOUVOR!
   Por tal prodígio, este verso,
   UM CANTO NOVO, UM LOUVOR!
   Por tal vitória e poder,
   UM CANTO NOVO, UM LOUVOR!
   Por sua justiça vencer,
   UM CANTO NOVO, UM LOUVOR!

2.Lembrou sua fidelidade,
   UM CANTO NOVO, UM LOUVOR!
Seu povo, com lealdade!
   UM CANTO NOVO, UM LOUVOR!
   A terra, então, contemplou
   UM CANTO NOVO, UM LOUVOR!
Vitorioso Amor!
   UM CANTO NOVO, UM LOUVOR!

3.Clarins, violas, tocai,
   UM CANTO NOVO, UM LOUVOR!
O Eterno Amor aclamai,
   UM CANTO NOVO, UM LOUVOR!
   O mar, o mundo, as gentes,
   UM CANTO NOVO, UM LOUVOR!
Rios e montescontentes,
   UM CANTO NOVO, UM LOUVOR!

4.O Amor Eterno a chegar,
   UM CANTO NOVO, UM LOUVOR!
Vem vindo a terra julgar:
   UM CANTO NOVO, UM LOUVOR!
   Glória ao Pai, por seu Filho,
   UM CANTO NOVO, UM LOUVOR!
   Gerado pelo Espírito,
   UM CANTO NOVO, UM LOUVOR!
_________________________________
No brilho da Estrela,


FELIZ ANO NOVO!


Reginaldo Veloso

DOWNLOAD DO ARQUIVO →