O mistério na vida... Circulando, fluindo... nos elementos, nas estações. Palavra que brota, agir que floresce... A luz pascal que incendeia a festa da existência. A soma dos "ires-e-vires", de homens e mulheres que celebram, se encantam, e se enredam, no cuidado com o mundo, na busca do Reino.

DESTAQUES SEMANAIS

4º Domingo do Advento – B: AVE, CHEIA DE GRAÇA!

24/12/2017

4º Domingo do Advento – B: AVE, CHEIA DE GRAÇA!

(Reginaldo Veloso)

Lucas 1,26-38
As coisas de Deus são simples assim: para reali-zar o projeto de salvação da Humanidade, envia seu mensageiro a uma moça simples, de um interior distante, casada com um operário.
Ela, que desejava ardentemente ver sua gente livre de tantas mazelas, de tanta opressão, fica surpresa com o fato de ser a escolhida para mãe do Messias.Mas a palavra do Anjo era mais que convincente: soava claramente como recado de Deus.Ela se rende à evidência desse apelo divino e se coloca inteiramente à disposição.
E com este seu “sim”, com este seu“faça-se”, por obra do Espírito Santo,começam os últimos tempos, a última etapa da História da Humanidade: um “tempo de graça”, que será a realização do sonho de todas as pessoas que “têm fome e sede da Justiça”.
Mas o que mais nos importa é saber que,na pessoa de MARIA, o anjo saúda a cada um, cada uma da gente... Cabe a nós, darmos continuidade a essa nova História, colocando-nos com a mesma disponibilidade, na força do Espírito Santo, a serviço do Reino que o Filho de Maria veio instaurar.
E é assim que o NATAL de verdade acontece. E suas luzes se justificam e nossos cantos fazem sentido:
- Quando a novidade da Justiça vence a injustiça inveterada dos nossos egoísmos e desonestidades, dos nossos preconceitos e exclusões...
- Quando se consegue banir a fome e a doença, superar as desigualdades, aplacar os ódios e acabar com as guerras...
- Quando todos e todas nos pomos de pé, nos olhamos nos olhos e nos damos as mãos, felizes...
- Quando nasce um Mundo Novo, feito de irmandade, alegria e paz...
Eis a glória de Deus, que um anjo anunciou a Maria e os outros anjos irão cantar para os pastores.Teremos então, motivos, para celebrar o Natal e encarar com esperança o Ano Novo! Sendo assim, feliz Natal!


É assim que a maioria dos cristãos e cristãs encara o NATAL?...
A emoção maior das crianças de nossas famílias é diante do Presépio... ou diante de Papai Noel?...
Nosso modo de festejar Natal implica num compromisso generoso e eficaz com a causa da PAZ, fruto da JUSTIÇA do Reino que o Menino Deus veio inaugurar?...
*

4.Maria fez-se escrava do Senhor
   E apresentou-se pra a missão
   De ser a imaculada Mãe de Deus,
   Contribuindo para nossa salvação!

(3) Salmo de resposta: Salmo 89
(mel.: “Os céus e a terra são teus” Hin I, p. 22)

O AMOR PRA SEMPRE É FIEL
PARA SEMPRE FIEL É O AMOR!

Eu vou cantar sem parar
Do Eterno Amor as graças
Para sempre sua fidelidade
Minha boca vai anunciar!
    Pois dizes: ”Minha bondade
    Para sempre está de pé!”
    É nos céus que tu estabeleces
    E garantes tua fidelidade!

A meu eleito Davi
Eu jurei e prometi
Aliança com ele firmei
E aos seus, trono eterno darei!
    “Meu Pai Tu és” vai dizer,
    “Deus, rochedo a me salvar!”
    Minha graça eu vou garantir
    Minha aliança fiel lhe será!

(4) Aclamação: ALELUIA + Lc 1,38
                (Hin I p.46: solo e ass.)

/:ALELUIA! ALELUIÁ!:/
/:”EIS A SERVA DO SENHOR!:/
/:QUE EM MIM VENHA CUMPRIR-SE:/
/:TUDO QUANTO ME DISSESTE!”:/
/:ALELUIA! ALELUIÁ!:/

(5) Pós-homilia: ESCUTA, MEU AMIGO
(Hin I p. 68)
Escuta, meu amigo, presta bem atenção: (bis)
A Paz está contigo, dentro do teu coração,(b)
Depende só de ti fazer a plantação!(bis)

A Paz ao mundo veio por meio de Maria 
Que trouxe no seu seio o rebento da alegria
Emanuel, Deus-no-meio do povo que sofria!

A Paz ao mundo veio e o mundo não aceitou!
O Cristo veio à terra e seu povo o rejeitou
E preferiu a guerra, a fome e o horror!... 

Se a Paz tu desejares, não te esqueças jamais:
Renega o ódio, o erro, que a injustiça faz
E aceita o Emanuel, o Príncipe da PAZ! 

(6) Ofertório: ELA ERA POBRE (Hin I p. 67)

1.Ela era pobre e silenciosa e até sofrida;
   Olhava com ternura a rosa e amava a vida.
AO RECEBER O MENSAGEIRO INESPERADO,
FICOU SURPRESA O DIA INTEIRO COM SEU RECADO. (1) Abertura: DAS ALTURAS Is 45,8+Sl 85
(Hin I p.19)
DAS ALTURAS ORVALHEM OS CÉUS
E  AS NUVENS QUE CHOVAM JUSTIÇA,
QUE ATERRA SE ABRA AO AMOR
E GERMINE O DEUS SALVADOR!

1. Foste amigo antigamente
Desta terra que amaste,
Deste povo que escolheste,
Sua sorte melhoraste,
Perdoaste seus pecados,
Tua raiva acalmaste.

2. Vem de novo restaurar-nos,
Sempre irado estarás,
Indignado contra nós
E a vida não darás?
Salvação e alegria
Outra vez não nos trarás?...

3. Escutemos suas palavras,
É de paz que vai falar,
Paz ao povo, a seus fiéis,
A quem dele se achegar,
Está perto a salvação
E a glória vai voltar!

4. Eis: Amor, Fidelidade
Vão unidos se abraçar,
Bem assim, Justiça e Paz
Vão beijar-se e se abraçar,
Vai brotar Fidelidade
E Justiça se mostrar!

5. E virão os benefícios
Do Amor a abençoar
E os frutos do Amor
Desta terra vão brotar,
A Justiça diante dele
E a Paz o seguirá!

(2) Hino do Advento: SALVE, MARIA!
                   (Hin I p. 41)
/:SALVE, MARIA,
TU ÉS ESTRELA VIRGINAL DE NAZARÉ,
ÉS A MAIS BELA ENTRE AS MULHERES,
CHEIA DE GRAÇA ESPOSA DE JOSÉ!:/

1.O Anjo Gabriel foi enviado
   À vilazinha de Nazaré
   Para dar um recado lá do céu
   Àquela moça que casara com José...

2.Maria a o ver o Anjo se espantou,
   E o Anjo disse: “Nada temer!”
   Pois ela tem cartaz lá pelo céu
   E o próprio Deus, um dia, dela vai nascer!

3.Maria acha difícil a mensagem
   E o Anjo afirma que Deus fará...
   E sua prima Izabel, embora velha,
  Vai ter um filho que João se chamará!

2.Ofereceu-se, então, sozinha ao bom Mistério,
   Sabendo que era Deus que vinha, a seu critério 
DISSE QUE ELE OS PREPOTENTES ESVAZIARIA
E QUE AOS MAIS POBRES E CARENTES ELEVARIA!

3.Sentiu que nessa tão secreta maternidade,
   Nascia a compreensão completa da Liberdade!
CANTEMOS HOJE COM MARIA A ESPERANÇA,
LOUVANDO A DEUS COM ALEGRIA, QUE FOI CRIANÇA!

(7) Prefácio do Advento III (Hin I, supl.p. 39)

É prazer para nós a Deus louvar,                               
Bendizer-te, ó Pai, é salvação,
Deus eterno em poder, amor e ação,              
Por Jesus, Senhor Nosso, celebrar...                        
Aos Profetas lhes coube anunciar,           
A Maria esperar com amor materno,      
A João avisar que está tão perto,            
Este Cristo que ao mundo apresenta,      
E assim com alegria tão intensa,             
A Igreja prepara o seu presépio.             

Vigilantes nós hoje o Esperamos,           
Confiando em promessas de outrora,      
Ao saber que sua vinda é agora,                 
Com essa fé seu Natal já preparamos...         
E por isso em coro nos juntamos                 
Aos celestes cantores a entoar,                   
Com fervor  todos nós a celebrar
A espera do Cristo que vem vindo,                         
Ansiosos cantando este hino,                      
U’a só voz, Céus e Terras a vibrar:
SANTO...

(8) Comunhão: AVE, MARIA
     Lc 1,28.38 + Sl 147b          (Hin I p. 34)

“AVE MARIA, CHEIA DE GRAÇA!” ALGUÉM FALOU
“CONTIGO ESTÁ AQUELE QUE É O TEU SENHOR!”
“ESTOU AQUI, EU SOU A SERVA DO MEU SENHOR
FAÇA-SE EM MIM TUA PALAVRA!” ASSIM FALOU.

1.Louva Jerusalém,
LOUVA AO ETERNO BEM!
 Tuas portas reforçou
E OS TEUS ABENÇOOU!
Te cumulou de paz
E O TRIGO EM FLOR TE TRAZ!

2.Sua Palavra envia,
 VELOZ SUA VOZ SE AVIA;
   Qual lã a neve espalha,
QUAL CINZA, A GEADA;
   Os gelos se dissolvem
E, AO VENTO, AS ÁGUAS CORREM!

3.Ao Povo revelou,
   PALAVRAS DE AMOR!
   A sua Lei nos deu
E O MANDAMENTO SEU!
   Com ninguém fez assim,
AMOU ATÉ O FIM!

4.Ao Pai do céu louvemos...

 

DOWNLOAD DO ARQUIVO →