O mistério na vida... Circulando, fluindo... nos elementos, nas estações. Palavra que brota, agir que floresce... A luz pascal que incendeia a festa da existência. A soma dos "ires-e-vires", de homens e mulheres que celebram, se encantam, e se enredam, no cuidado com o mundo, na busca do Reino.

DESTAQUES SEMANAIS

TRANSFIGURAÇÃO DO SENHOR - Reginaldo Veloso

06/08/2017

6 de agosto - FESTA DA TRANSFIGURAÇÃO DO SENHOR

Mateus 17,1-9
É dia de subir a montanha para receber a revelação do Cristo transfigurado e sonhar com o brilho 
de uma vida transformada, de um mundo novo!
É tempo de escutar o testemunho dos profetas que nos anunciam o êxodo, a libertação!
É tempo de escutar a voz do Pai, que nos manda levar a sério seu Filho muito querido!
A caminho de Jerusalém, a Nova Cidade, a Cidade da Paz, o futuro dos nossos sonhos, com Jesus, nosso Mestre, transfigurado, animemo-nos uns aos outros!
E, por esses dias, quanto a gente precisa dessa animação que nos vem do brilho do Cristo transfigurado!
Mas, não adiemos nossos sonhos de transformação para depois da morte.
Somos discípulos e discípulas de *JESUS*, que nos ensinou a pedir a Papai do Céu que o seu Reino “venha a nós”, que sua vontade seja feita “assim na terra como no céu”!
O brilho da Transfiguração, que anuncia o brilho definitivo da Ressurreição, precisa irradiar-se, aqui e agora, de nossas vidas transformadas, de uma sociedade radicalmente renovada, de um mundo diferente.
E aqui vale, sobretudo para a Classe Trabalhadora, o clássico poema de Brecht:

Nada é impossível mudar

Desconfiai do mais trivial,
na aparência singelo.
E examinai, sobretudo, o que parece habitual.
 Pois, em tempo de desordem sangrenta,
de confusão organizada,
de arbitrariedade consciente,
de humanidade desumanizada,
nada deve parecer natural,
nada deve parecer impossível de mudar.
*

EM NOME DO PAI, EM NOME DO FILHO,                     EM NOME DO ESPÍRITO SANTO. AMÉM!

A graça do Cristo, o amor de Deus Pai,
O Espírito Santo, com a gente. Amém!

BENDITO ÉS DEUS PAI, QUE HOJE NOS JUNTAS                 NO AMOR DE JESUS, PARA SEMPRE. AMÉM!

(3) CANTO DE LOUVOR(HIN IV, p. 345s)

Nos céus, glória a Deus!Na terra haja paz
Pros filhos e filhas do Pai. Amém!
AMÉM! ALELUIA! AO PAI DEMOS GLÓRIA,        
SENHOR DA HISTÓRIA, PRA SEMPRE. AMÉM!

A Cristo, o Senhor, louvor seja dado,
Cordeiro imolado por nós. Amém!
AMÉM! ALELUIA!DO FILHO A VITÓRIA,
CANTEMOS A GLÓRIA PRA SEMPRE. AMÉM!

Do Espírito Santo se cante o louvor,
Divino Amor que nos une. Amém!
AMÉM! ALELUIA!DO ESPÍRITO A GLÓRIA
CANTEMOS AGORA E PRA SEMPRE. AMÉM!
________________________________________________________________________ 
1ª. Leitura: Daniel 7,9-10.13-14
________________________________________________________________________

(4) Salmo de resposta: Salmo 97
                      (ODC Part I, p. 114)
UMA LUZ JÁ SE LEVANTA PARA OS JUSTOS
E A ALEGRIA PARA OS RETOS CORAÇÕES!

Deus é Rei, exulte a terra de alegria
E as ilhas numerosas rejubilem!
Treva e nuvem o rodeiam no seu trono,
Que se apoia na justiça e no direito.

Vai um fogo caminhando à sua frente
E devora ao redor seus inimigos...
Seus relâmpagos clareiam toda a terra,
Toda a terra ao contemplá-los estremece.

As montanhas se derretem como cera
Ante a face do Senhor de toda a terra...
E assim proclama o céus sua justiça,
Todos os povos podem ver a sua gloria.

Uma luz já se levanta para os justos
E a alegria, para os retos corações...
Gente justa, alegrai-vos no Senhor,
Celebrai e bendizei seu santo nome.
________________________________________________________________________
2ª. Leitura: 2ª. Carta de Pedro 1,16-19
________________________________________________________________________

(5) Aclamação: ALELUIA + Sb 7,26
(HIN III, p. 212)
ALELUIA! ALELUIA! ALELUIA! ALELUIA!
Eis o reflexo da luz eterna,
Espelho sem mancha do poder de Deus!
ALELUIA! ALELUIA! ALELUIA! ALELUIA!
Espelho sem mancha do poder de Deus,
Imagem da sua bondade!
______________________________________________________________________

Evangelho: Mateus 17,1-9
________________________________________________________________________  
(1) Abertura: Salmo 27 (ODC Part.I p. 41)

FALA ASSIM MEU CORAÇÃO:
“VÃO BUSCAR A SUA FACE!”
SENHOR, O TEU SEMBLANTE
NÃO ME ESCONDAS NÃO!

1.O Senhor é minha luz,
Ele é minha salvação.
O que é que vou temer?
Deus é minha proteção.
//Ele guarda minha vida:
Eu não vou ter medo não.//
  Quando os maus vêm avançando,
   Procurando me acuar,
   Desejando ver meu fim,
   Só querendo me matar,
   //Inimigos, opressores
   É que vão se liquidar!//

2.Se um exército se armar
Contra mim, não temerei.
Firme está meu coração,
Sempre firme ficarei.
//Se estourar uma batalha,
Mesmo assim, confiarei.//
   A Deus peço uma só coisa,
   Sei que ele vai me dar:
   Habitar em sua casa
   Todo tempo que eu durar,
   //Pra provar sua doçura
   E no templo contemplar.//

3.Ele vai me dar abrigo,
Em sua casa vou morar.
Nestes tempos de aflição,
Sei que vai me agasalhar,
//Me escondendo em sua tenda,
Pra na rocha eu me firmar.//
   A cabeça eu tenho erguida,
   Mesmo em meio de inimigos.
   Ofereço um sacrifício,
   Pois livrou-me dos perigos.
   //Canto hinos com a viola,
   O meu salmo a Deus eu digo.//

4.Vem, me ensina os teus caminhos
E me mostra a boa estrada.
Me protege do inimigo
Que só pensa coisa errada.
//Falsidade estão tramando,
Tenho a vida amargurada.//
   Sei que hei de ver, um dia,
   A bondade do Senhor:
   Lá, na terra dos viventes,
   Viverei no seu amor.
   //‘Spera em Deus, cria coragem!
‘Spera em Deus, que é teu   Senhor!//
(2) INVOCAÇÃO DA TRINDADE
                 (HIN IV, p. 345)
(6) Ofertório: A UM DEUS SEMELHANTE 
Sl 8(ODC Part. I, p. 21)

A UM DEUS SEMELHANTE O FIZESTE,
COROADO DE GLÓRIA E DE VALOR;
DE TI RECEBEU PODE E FORÇA
DE TUDO VENCER E SER SENHOR!

Olhando este céu que modelaste.
Alua e as estrelas a conter,
Que é, ó Senhor, o ser humano
Pra tanto cuidado merecer?

(7) Comunhão: COM NINGUÉM FALEM...
cf.Mt 17,9 + Sl 45 (ODC Part.I, p. 60)

COM NINGUÉM FALEM DESTA VISÃO,
COM NINGUÉM NÃO COMENTEM, ENTÃO,
/:ATÉ QUANDO O FILHO DO HOMEM
RESPLENDER EM SUA RESSURREIÇÃO!:/

1.Transborda o meu coração
    Em belos versos ao Rei.
    Um poema, uma canção
    Com a língua escreverei:
 De todos és o mais belo,
 A graça desabrochou
             Em teu semblante, em teus lábios,
 Pra sempre Deus te abençoou!

2. Valente, forte, herói,
    Pela verdade a lutar.
    A justiça a defender
    Vitorioso serás.
 Lutas com arma e poder
 O inimigo a correr,
 Eterno é teu trono, ó Deus,
 É retidão a valer!

3. Amas, ó Rei, a justiça,
    Odeias sempre a maldade;
    Com o óleo da alegria
    Ungiu-te o Deus da verdade.
 Os mais suaves perfumes
 As tuas vestes exalam;
 No teu luxuoso palácio
Belos acordes te embalam!

4.Lugar que foi de teus pais
Teus filhos vão ocupar,
Herdeiros do teu poder,
A terra vão governar...
             Teu nome eu celebrarei,
              Os povos se unirão,
              Os pais, os filhos, sem fim,
              Eu nome, ó Rei, louvarão!

No brilho da Transfiguração, vamos enxergar uma luz no fim do túnel, e, descendo da montanha de nossos sonhos, vamos enfrentar a planície da realidade, no seguimento do Mestre, até o fim, na certeza de que venceremos com Ele.

 

DOWNLOAD DO ARQUIVO →